1

Conheça o Bop Top

Quem ouve música online costuma ter um ou outro serviço preferido, mas em alguns casos as canções ou artistas não estão disponíveis no catálogo. Para contornar a dificuldade, o empreendedor americano Shehzad Daredia criou nos Estados Unidos o Bop.fm. O site reúne as músicas e artistas disponíveis em todos os serviços de música online mais populares, como se fosse um Google do streaming.

O Bop.fm é integrado aos catálogos de plataformas como Napster, Spotify, Rdio, Deezer, Soundcloud e YouTube. Ele mostra as músicas de qualquer um dos serviços, e permite ouvi-las na página. Depois de cadastrado, o usuário não precisa abrir o software ou site da plataforma de música. “Nós criamos uma experiência de música unificada, para que os usuários possam encontrar qualquer canção e reproduzi-la independentemente do serviço”, diz Daredia.

Para o fundador, o Bop.fm ajuda principalmente os usuários a compartilhar uma música com amigos, quando eles não são assinantes do mesmo serviço ou vivem em países diferentes onde uma das plataformas não funciona. O Bop.fm cria um link universal para cada música, para que ela possa ser compartilhada e ouvida a partir de qualquer serviço.

“Para as plataformas de streaming parceiras, a vantagem principal é que nós as ajudamos a conquistar novos usuários”, diz Daredia, que é formado em engenharia e administração. A startup passou pela aceleradora americana Y Combinator e já recebeu 2 milhões de dólares em investimentos. O fundador não revela a quantidade de usuários, mas diz que o site já reproduziu 50 milhões de músicas desde o lançamento, há um ano.

Recentemente, o site ainda estreou uma ferramenta para que artistas possam criar suas playlists próprias em um canal no Bop.fm. Segundo Daredia, músicos como Paul McCartney,Tiësto, Lil Wayne e a banda Depeche Mode já fazem parte do projeto. “Isso permite uma experiência musical mais profunda, em que os usuários seguem seus artistas favoritos e são notificados quando eles compartilham uma playlist ou lançam uma música nova.”

Fonte: INFO 

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *